04 iniciativas que podem ajudar sua empresa a reduzir custos com energia

Publicado por Sérgio Grassi em ter, 06/06/2017 - 14:15
Iniciativas para reduzir custos de energia na empresa

Nosso país passa por momentos difíceis e a gestão da energia não vive um momento diferente. Pesquisa divulgada recentemente pelo American Council for an Energy Efficient-Economy (ACEEE), classificou o Brasil pelo segundo período consecutivo em penúltimo lugar no ranking de eficiência energética, atrás somente da Arábia Saudita.

A versão 2016 do estudo examinou as políticas de eficiência energética e o desempenho de 23 dos principais países consumidores de energia do mundo. Juntas, essas nações representam 75% de toda a energia consumida no planeta e em 2013 representaram mais de 80% do produto interno bruto mundial. Foram utilizadas 35 métricas para avaliar o compromisso nacional de cada país com a eficiência energética, bem como suas políticas de eficiência e desempenho nos setores de construção, indústria e transporte.

A Alemanha conquistou o primeiro lugar no ranking com uma pontuação de 73,5 em 100, enquanto a Itália e o Japão empataram em segundo lugar com uma pontuação de 68,5.

Diante deste cenário, investir em meios para reduzir os custos de energia em sua empresa é fundamental, não só para contribuir com o avanço do país em relação a eficiência energética, mas também para gerar uma economia inteligente.

Brasil e a eficiência energética

Apesar da energia no Brasil ser uma das energias mais caras do mundo, poucos resultados foram colhidos até agora e as oportunidades são substanciais. Grandes consumidores possuem equipes voltadas para a gestão da energia e algumas delas optaram por implantar a ISO 50001 que incorpora na empresa um sistema evoluído de gestão.

Leia também: Família de normas ISO 50001

Já a grande maioria das empresas entra em um ciclo vicioso e muitas vezes aguardam uma situação financeira mais favorável para implantar iniciativas voltadas ao uso eficiente da energia e consequentemente adiam a redução de custos.

Ao contrário do que muitos gestores pensam, comprovadamente, as maiores economias de energia são provenientes de ações simples e que não exigem investimentos. Abaixo são citadas algumas destas iniciativas que poderá ajudá-lo a reduzir os custos com energia em sua empresa e seu país também vai agradecer:

1º) Controle o processo dos equipamentos

Implante um controle do processo dos equipamentos com uso significativo de energia (comece por estes), incorporando as variáveis relevantes relativas a energia. A atividade de definir estas variáveis de forma correta e a determinação dos pontos ótimos de operação, são o grande segredo da otimização do desempenho energético.

Leia também: Reduzindo o custo de energia em grandes consumidores

2º) Priorize os treinamentos internos

Para que o controle se perpetue dentro de um sistema de gestão, é indispensável a realização de treinamento adequado dos operadores e mantenedores do equipamento / instalação.

3º) Fique atento a sua carteira de manutenção

Priorize a manutenção das ordens de serviço corretivas de equipamentos que influenciam o desempenho energético. É muito comum as ordens de serviço de manutenção que não impactam na disponibilidade do equipamento ou instalação, serem classificadas como não prioritárias, o que gera gastos desnecessários com energia. Exemplos: agarramento de válvula de controle de gás em um forno de reaquecimento, ajuste de uma malha de controle, defeito no sistema de controle de velocidade, entre outras.

4º) Implante um sistema informatizado de gestão de energia

Entre outras vantagens, ele permite a utilização em tempo real de informações importantes para a gestão e cria uma base de dados para um planejamento adequado. Sistemas deste tipo podem ser implantados utilizando verbas de despesas operacionais ou até mesmo através de contratos de performance, sem utilização de verbas de investimento.

Conclusão

Como podemos ver acima, existem práticas que trazem resultados rápidos e que obrigatoriamente devem ser implantadas antes de uma busca de solução através de investimentos. Fica aqui uma reflexão para você que pode impactar o consumo de energia: Ainda posso implantar alguma ação que trará ganho no uso racional de energia, sem realizar investimento? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

Diretor Comercial , Viridis

Diretor Comercial da Viridis. Trabalhou durante 35 anos na Vallourec do Brasil, nas áreas de energia, manutenção e montagem industrial e coordenou o projeto da área de Energia e Utilidades da usina Vallourec & Sumitomo (VSB). Graduado em Engenharia Elétrica e pós-graduado em Automação Industrial e Gestão de Negócios. Membro da CB-116, que elaborou a ABNT NBR ISO 50.001 – Sistemas de Gestão da Energia, foi o responsável pela certificação da Vallourec como primeira siderúrgica do Brasil nesta norma. É membro da Câmara de Energias Renováveis e Óleo & Gás da FIEMG.  

Comentar