Tendências tecnológicas na gestão de energia e utilidades

Publicado por Mariane Gonçalves em qui, 05/07/2018 - 21:50
Entenda como a transformação digital está revolucionando o mercado e quais as grandes tendências tecnológicas na gestão de energia e utilidades

A plataforma Viridis é baseada amplamente nos conceitos de Internet das Coisas, Big Data e Indústria 4.0, sendo capaz de capturar, armazenar e processar grandes volumes de dados sobre o consumo de energia e utilidades de qualquer unidade operacional, seja um equipamento em particular, seja um processo produtivo como um todo. Esses dados, combinados com informações sobre o contexto em que foram registrados (planos de produção, variáveis de processo, parâmetros operacionais, dentre outros), possibilita, por meio de técnicas de Machine Learning, a construção de modelos de predição que são combinados para criar uma representação digital daquele ativo – um gêmeo digital ou digital twin. A grande capacidade de integração da plataforma facilita a captura de dados relevantes, enquanto suas funcionalidades de modelagem e visualização tornam natural a utilização, interpretação e evolução dos gêmeos digitais, resultando em significativa criação de valor para nossos clientes. Clique aqui e saiba mais sobre nossas soluções.   


5 Razões para contratar um sistema de gestão de energia e utilidades na nuvem

Publicado por Júlia Assis em qui, 28/06/2018 - 13:19
Veja cinco motivos pertinentes para você contratar um sistema de gestão de energia e utilidades na nuvem.

A Viridis oferece o modelo de comissionamento em nuvem utilizando ambientes de  Cloud Computing, com opção de ambientes em nuvem pública ou privada. Há ainda a opção de se utilizar o ambiente contratado pelo cliente com seus fornecedores de nuvem já existentes. Em ambos os casos, a comunicação de dados com os sites é feita pelo Viridis IoT Gateway, tecnologia desenvolvida pela Viridis exclusivamente para prover integração bidirecional em tempo real com múltiplos sistemas locais, além da execução de procedimentos de borda distribuídos, também conhecidos como Edge Analytics. O comissionamento em nuvem oferece autenticação federada, nuvem pública ou privada, criptografia, entre outros recursos para prover o mais alto nível de confiança e segurança. Clique aqui e sabia mais sobre nossas soluções. 


O papel dos gêmeos digitais na gestão de energia e utilidades

Publicado por Victor de Souza em qua, 07/02/2018 - 17:45
Entenda como a criação de gêmeos digitais (digital twins) pode ajudar a reduzir custos operacionais e melhorar a eficiência de processos na indústria.

A plataforma Viridis é baseada amplamente nos conceitos de Internet das Coisas, Big Data e Indústria 4.0, sendo capaz de capturar, armazenar e processar grandes volumes de dados sobre o consumo de energia e utilidades de qualquer unidade operacional, seja um equipamento em particular, seja um processo produtivo como um todo. Esses dados, combinados com informações sobre o contexto em que foram registrados (planos de produção, variáveis de processo, parâmetros operacionais, dentre outros), possibilita, por meio de técnicas de Machine Learning, a construção de modelos de predição que são combinados para criar uma representação digital daquele ativo – um gêmeo digital ou digital twin. A grande capacidade de integração da plataforma facilita a captura de dados relevantes, enquanto suas funcionalidades de modelagem e visualização tornam natural a utilização, interpretação e evolução dos gêmeos digitais, resultando em significativa criação de valor para nossos clientes.


Infográfico: Da 1ª Revolução Industrial à Indústria 4.0

Publicado por Carina Lima em ter, 23/01/2018 - 13:46
Veja no infográfico as principais mudanças ocasionadas por cada Revolução Industrial e como os conceitos de Indústria 4.0 tem se relacionado com o contexto de gestão de energia e utilidades.

Gestão de energia e utilidades: como se adaptar a um ambiente em constante mudança

Publicado por Ricardo Giacomin em seg, 28/08/2017 - 17:33
O ambiente de negócios vem passando nos últimos anos por mudanças rápidas e profundas. Essas mudanças são resultantes de um contexto competitivo muito mais acirrado, pressão contínua por maior desempenho operacional, crises econômicas frequentes, questões regulatórias e de governança corporativa mais rígidas, maior integração da cadeia de valor, entre outros aspectos. 

O sistema Viridis possui uma ferramenta de BPM embutida e integrada a todos os seus módulos. Permite que cada empresa defina a forma com que devem operar os processos de custeio, forecasting, gestão de orçamento, gestão de contratos, gestão de desempenho, entre outros. Além disso, provê métricas de execução de todos os processos, promovendo maior visibilidade e melhoria contínua dos fluxos gerenciais. Clique aqui e saiba mais sobre os produtos. 


Custeio de Energia e Utilidades – Parte 2

Publicado por Thiago Turchetti Maia em qui, 23/03/2017 - 16:43
Boas regras de custeio são o alicerce de uma boa contabilidade de custos. Regras de custeio determinam como o consumo contínuo de energia e utilidades, idealmente medido por uma rede de medidores, será traduzido em transações contábeis associadas a centros de custos. Como muitas outras coisas em gestão, boas regras contribuem para a acurácia, transparência e responsabilização de custos, enquanto regras ruins fazem exatamente o oposto. Boas regras minimizam rateios e tentam empregar custeio direto o máximo possível, criando uma associação direta entre o consumo apontado por medidores em partes específicas da operação com os valores lançados em seus centros de custos correspondentes.

A plataforma Viridis gerencia toda a disciplina de custeio de energia e utilidades, desde dados de medição à carga automática de transações contábeis em sistemas ERP. Regras de custeio direto e indireto com múltiplas fontes de custos são suportadas, e gestores contam com recursos de rastreamento dos apontamentos em seus centros de custos para aumento da transparência e promoção da responsabilização.


Custeio de Energia e Utilidades – Parte 1

Publicado por Thiago Turchetti Maia em qua, 15/03/2017 - 16:13
A maioria das empresas com operações sensíveis a custos dedicam tempo e esforço de sua liderança para gerir seus custos. Quando esse processo é bem feito, os gestores sentem a pressão para cortarem custos diretamente na sua última linha de resultado, e se esforçam para melhorarem o desempenho econômico de suas operações. Quando mal feito, isto é, quando custos não são corretamente apurados ou quando resultados não são diligentemente exigidos, custos se tornam uma prioridade mais baixa para a organização, com as inevitáveis consequências resultantes.

A plataforma Viridis faz todo o gerenciamento de dados necessário para uma boa gestão de custos, automatizando o processo completo desde medidores e regras de custeio até indicadores e transações contábeis. O módulo de custeio do Viridis se integra diretamente com sistemas ERP, melhorando a precisão, velocidade, transparência e agilidade do processo.


Como data lakes podem contribuir para gestão de energia e utilidades

Publicado por Carina Lima em qua, 22/02/2017 - 17:07
O armazenamento e processamento de grandes volumes de dados não é uma tarefa trivial, principalmente quando essas informações provêm de múltiplas fontes e são recebidas em diferentes formatos. Diferentes tipos de dados, quando combinados, têm um grande potencial em influenciar análises estratégicas e tomadas de decisões, porém eles precisam ser coletados e processados com agilidade e confiabilidade.

A plataforma Viridis explora o conceito de data lake para combinar séries temporais, amostradas em tempo real, com dados transacionais de sistemas de gestão. Para lidar com grandes volumes de medições, o sistema conta com um historiador de dados com alto desempenho de armazenamento (espaço) e consulta (tempo de resposta), e é responsável por armazenar milhares de séries temporais, por vários anos. Todos estes dados de medição são combinados com dados provenientes de diferentes sistemas legados como transações contábeis, ordens de produção, ordens de manutenção, dados de laboratório, entre outros. O sistema correlaciona automaticamente múltiplos tipos de dados, temporais e transacionais, possibilitando visões disruptivas sobre desempenho energético e eficiência operacional.


A revolução dos sistemas industriais e o colapso de uma pirâmide

Publicado por Ricardo Giacomin em sex, 03/02/2017 - 16:14
A indústria vive agora o início de uma revolução. O arcabouço de novas tecnologias que impulsionam a chamada Indústria 4.0, incluindo Internet das Coisas, Sistemas Ciber-físicos e Big Data, promove o desenvolvimento de soluções que não se aderem à organização hierárquica clássica e estrita descrita acima. Ao contrário, demandam uma perspectiva mais livre e flexível, sem integrações fixas nem sistemas fechados.

Sistemas de Gestão de Energia: Nem ERP, nem MES, nem PIMS

Publicado por Ricardo Giacomin em sex, 20/01/2017 - 12:05
Passada a fase da concentração de investimentos em sistemas de gestão corporativa, ou ERP (Enterprise Resources Planning), no final da década de 1990 e início dos anos 2000, muitas empresas industriais se voltaram para suas operações e fizeram investimentos vultosos em sistemas de gestão de execução de manufatura (MES - Manufacturing Execution Systems) e em sistemas de gestão de informações de processo, ou PIMS (Process/Plant Information Management Systems).

A Viridis disponibiliza uma plataforma integrada de gestão de energia e utilidades, com diferentes produtos que se integram e complementam outros sistemas como ERP, MES e PIMS. Saiba mais sobre os produtos da Viridis acessando este link.