A revolução dos sistemas industriais e o colapso de uma pirâmide

Publicado por Ricardo Giacomin em sex, 03/02/2017 - 16:14
A indústria vive agora o início de uma revolução. O arcabouço de novas tecnologias que impulsionam a chamada Indústria 4.0, incluindo Internet das Coisas, Sistemas Ciber-físicos e Big Data, promove o desenvolvimento de soluções que não se aderem à organização hierárquica clássica e estrita descrita acima. Ao contrário, demandam uma perspectiva mais livre e flexível, sem integrações fixas nem sistemas fechados.

Não caia na armadilha: as falácias das métricas de eficiência

Publicado por Thiago Turchetti Maia em sex, 27/01/2017 - 15:49
Em momentos de crise e turbulência econômica, é natural que empresas de diferentes setores sejam pressionadas para cortar custos e adequar sua estrutura para um cenário de menor demanda. Custos de energia e utilidades não são exceções. Gestores responsáveis por eficiência operacional ou diretamente responsáveis pela execução da produção muitas vezes recebem a missão, assim como as metas, para redução dos consumos de energia, utilidades e demais fluxos de insumos. Contudo, as formas de medir esta eficiência e avaliar a efetividade de ações de melhoria não são claras, levando a gestão da empresa a conclusões muitas vezes precipitadas e, não raro, equivocadas.

A plataforma Viridis possui recursos avançados de gestão de consumo e geração específicos, calculados não através de médias, mas a partir de medições em tempo real, correlações com variáveis de processos e eventos externos. A plataforma isola cada um destes fatores e identifica sua influência nas métricas de consumo e geração específicos, oferecendo medidas isentas de eficiência. Em complemento, estes mesmos modelos de consumo e geração são utilizados para avaliar o comportamento de equipamentos e processos em operação, além de servirem de base para simulações e projeções futuras.


Sistemas de Gestão de Energia: Nem ERP, nem MES, nem PIMS

Publicado por Ricardo Giacomin em sex, 20/01/2017 - 12:05
Passada a fase da concentração de investimentos em sistemas de gestão corporativa, ou ERP (Enterprise Resources Planning), no final da década de 1990 e início dos anos 2000, muitas empresas industriais se voltaram para suas operações e fizeram investimentos vultosos em sistemas de gestão de execução de manufatura (MES - Manufacturing Execution Systems) e em sistemas de gestão de informações de processo, ou PIMS (Process/Plant Information Management Systems).

A Viridis disponibiliza uma plataforma integrada de gestão de energia e utilidades, com diferentes produtos que se integram e complementam outros sistemas como ERP, MES e PIMS. Saiba mais sobre os produtos da Viridis acessando este link.


Bem-vindo ao Viridis Blog

Publicado por Thiago Turchetti Maia em ter, 10/01/2017 - 17:21
Este artigo inaugura o Viridis Blog, uma iniciativa da Viridis com o objetivo de criar um espaço isento para publicação e discussão de temas relacionados a gestão de energia e utilidades. O conteúdo do blog é voltado aos gestores de empresas cujo consumo de energia e utilidades mereça atenção especial, seja pela quantidade de unidades consumidoras da operação, seja pela complexidade da matriz energética, pela geração ou autoprodução de energia, ou, naturalmente, pelo alto volume consumido.

Como recuperar créditos tributários de energia e utilidades

Publicado por Thiago Turchetti Maia em ter, 06/12/2016 - 13:35
Gerenciar de forma estruturada as faturas de energia e utilidades melhora a visibilidade sobre gastos e permite que outros processos também possam ser executados, como a contestação de contas e a recuperação de créditos tributários.

O Viridis faz a gestão integrada das faturas de energia e utilidades, apura créditos tributários correntes e faz o cruzamento de dados com a base de escrituração fiscal da empresa para apuração de créditos extemporâneos. A solução se integra a diferentes ERPs e pode ser complementada com o serviço de input de faturas, muito útil para empresas com grandes volumes mensais.